B’nai B’rith Internacional condena proposta de Trump proibindo muçulmanos de entrar nos EUA

A B’nai B’rith Internacional condena proposta do candidato presidencial Donald Trump da proibição de todos os muçulmanos de entrar nos EUA. Em 7 de dezembro a campanha divulgou um comunicado anunciando que ele “está chamando para um desligamento total e completo dos muçulmanos que entram nos Estados Unidos, até os representantes do nosso país poderem descobrir o que está acontecendo.”

Este tipo de ação vai contra valores fundamentais da nação americana, que incluem tolerância, liberdade religiosa e rejeição da discriminação com base na fé.

Discriminação de toda uma comunidade religiosa e restringir seus direitos devido ao fanatismo de alguns não deve ser aceito. Como judeus, não podemos esquecer nossa própria experiência de sermos estereotipados e alvos. Os EUA e toda a comunidade internacional devem solucionar os desafios à segurança trazidos pelo extremismo islâmico e o terrorismo, mas a resposta não está na discriminação encoberta.

Veja também

Nós, da B´nai B´rith repudiamos de forma enérgica e veemente outra declaração tendenciosa, antissemita, racista e fomentadora do ódio proferida na África, pelo presidente Lula.

Nós, da B´nai B´rith – Filhos da Aliança, com 90 anos no Brasil e 180 …