Netanyahu: “Nada justifica o terrorismo”.

Duas grandes mentiras estão sendo usadas para incitar a violência contra civis israelenses: a existência de mudanças na política israelense em relação ao Monte do Templo, citada pelo presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas é a primeira. A segunda é a pretensa execução de um jovem palestino de 13 anos Ahmad Manasra, após ter atacado com faca um garoto israelense de 13 anos. Imagens mostram Ahmad sendo bem tratado no Hospital Hadassah, em Israel.

Estes dados foram apresentados em uma conferência de imprensa voltada a mídia internacional pelo governo israelense nesta manhã.

Resultado: 70 israelenses feridos e 8 assassinados.

Também foram mostradas inúmeras mensagens de lideranças árabes e de grupos terroristas, inclusive através de redes sociais, incitando os palestinos a matar civis israelenses com o uso de facas.

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu pede que a Autoridade Palestina pare de incitar a morte de israelenses. “Nada justifica a morte de inocentes”. “É momento da comunidade internacional parar de justificar assassinatos”. “Nada justifica o terrorismo”.

Veja a integra em: http://www.youtube.com/watch?v=EklQ1SzmfNA



video15

Veja também

SHAVUOT

SHAVUOT Chag Matan Torateinu, Chag ha-Bikkurim – nomes de Shavuot que celebram a entrega dos …