Comunidade judaica paulista promove evento pelo Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto

Por ocasião do Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, a Confederação Israelita do Brasil (Conib), a Federação Israelita do Estado de São Paulo (Fisesp) e a Congregação Israelita Paulista (CIP), promovem no domingo, 25 de janeiro, às 18h30, na Congregação Israelita Paulista (CIP), um ato solene em memória às vítimas do Holocausto.

Além de lideranças judaicas e de sobreviventes do Holocausto, o evento contará com a presença de autoridades políticas, religiosas e comunitárias No hall da entidade acontecerá a exposição “Memórias do Holocausto”, com fotos, documentos e objetos cedidos pelo Museu Judaico de São Paulo, que também faz a curadoria da mostra.

O evento conta com o apoio do Consulado Geral de Israel em São Paulo, da Beth-El e Shalom, Unibes, KKL Brasil, Agência Judaica para Israel, Sherit Hapleitá e Museu Judaico de São Paulo.

A Assembleia Geral das Nações Unidas aprovou em 2005 uma resolução instituindo 27 de janeiro como o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto. A data é uma homenagem aos seis milhões de judeus e às outras vítimas da exterminação nazista. A resolução rejeita qualquer questionamento de que o Holocausto foi um evento histórico, enfatiza o dever dos Estados-membros de educar futuras gerações sobre os horrores do genocídio e condena todas as manifestações de intolerância ou violência baseadas em origem étnica ou crença. No Brasil, a lei de autoria do vereado Floriano Pesaro, que institui um dia em memória às vítimas do Holocausto, foi sancionada pelo prefeito Gilberto Kassab no dia 12 de dezembro de 2009.

Veja também

A B’nai B’rith convida para um “Bate-papo” com o autor Fernando Dourado.

06/06, quinta-feira, às 19h A B’nai B’rith convida para um “Bate-papo” com o autor Fernando …