B’nai B’rith horrorizada por incêndio que vitimou bebê palestino em ataque terrorista

Declaração emitida pela B’nai B’rith Internacional em 31 de julho:

B’nai B’rith internacional está horrorizada com a notícia do incêndio criminoso por colonos israelenses em uma casa palestina na Cisjordânia matou um bebê de um ano e meio e feriu três membros da mesma família.

O Ministério da Defesa israelense chamou o ataque de “Terror judaico” e o governo foi rápido em condenar veementemente o ato.

Os suspeitos, identificados pelas autoridades israelenses, vandalizaram e incendiaram duas casas na aldeia de Douma em torno das 4h00. Uma das casas estava vazia, mas na outra morava afamília Daobasa, matando o bebê Ali Saad e atingindo o pai, mãe e irmão de quatro anos.

A B’nai B’rith insta as autoridades israelenses a levar os responsáveis à justiça. Essas ações descaradas e abomináveis não podem ser toleradas em qualquer sociedade e aqueles por trás desta morte devem ser punidos em toda a extensão da lei.

Veja também

Encontro feminino com Renata Taveiros de Saboia

Encontro feminino com Renata Taveiros de Saboia 📅 08/04 – segunda-feira 🕛 17h00 Informações e …