Ministro da Defesa israelense renuncia

O ministro israelense da Defesa, Moshe Yaalon, anunciou hoje pela manhã em uma entrevista coletiva à imprensa “me retiro da vida política para um descanso”, após renunciar ao cargo e ao mandato no Parlamento. Falou também sobre ética na política. A decisão aconteceu dois dias depois de que o ex-ministro das Relações Exteriores Avigdor Lieberman afirmar que seu partido, Yisrael Beitenu, de extrema-direita, poderia entrar na coalização governamental caso fossem cumpridas diversas exigências, incluindo a sua nomeação como ministro da Defesa.

Moshe Yaalon já vinha tendo divergências com o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu por ter estimulado os oficiais a sempre dizer o que pensam, mesmo que suas declarações sejam contrárias às ideias de seus superiores ou dos dirigentes políticos, o que o primeiro-ministro considerou um questionamento de sua política.

www.ynetnews.com

Veja também

Professor de esquerda ligado a Israel aborda o antissemitismo nas esquerdas

“Convivo com gente da esquerda há décadas e, tendo uma relação muito forte com Israel …