Estão mortos os assassinos dos três estudantes israelenses

Israel informou ter localizado e morto na Cisjordânia Amar Abu-Eisha e Marwan Kawasmeh na terça-feira de manhã – dois dos suspeitos envolvidos no sequestro e assassinato de Gil-Ad Shaer, Naftali Frenkel, e Eyal Yifrach em junho. O Hamas confirmou a morte e elogiou os dois assassinos por uma vida de “sacrifício”. Pelo anúncio oficial das forças de segurança, houve um tiroteio no qual dois suspeitos foram mortos. Os filhos do terceiro suspeito, que está sob custódia, Bashar Kawasmeh, Mahmed Kawasmeh, e Taar Kawasmeh foram presos durante a noite.

Veja também

Seminário e lançamento de livro marcam os sete anos da Cátedra da Cultura Judaica da PUC-SP

Nesta quarta-feira, 22 de novembro, a PUC-SP celebra os sete anos da Cátedra da Cultura …

Deixe uma resposta