Colunista católico escreve contra o boicote a Israel

O reverendo John J. Conley, detentor da cadeira Knott de Teologia e Filosofia na Universidade Loyola Maryland, em Baltimore, Estados Unidos escreveu em sua coluna na Revista Católica América sobre sua reação ao receber através da universidade um pedido para endossar a campanha de boicote, desinvestimento e sanções contra Israel (B.D.S.).

Ao responder, anexou uma foto da menorá de prata que tem em seu escritório, ao lado do crucifixo. E relata ainda que em resposta ao pedido estabeleceu um intercâmbio entre sua faculdade e a Universidade Hebraica de Jerusalém.

Em sua coluna de 4-11 de agosto, intitulada “Para Israel”, ele critica as condenações simplistas à Israel e pergunta porque essa ação unilateral do B. D. S. contra Israel? Será que seu tratamento às minorias religiosas é menos tolerante do que o de seus vizinhos como a Arábia Saudita? Falhou mais em relação aos direitos humanos do que as armas químicas usadas pelos regimes de países vizinhos como a Síria? A ocupação da Cisjordânia é mais brutal do que a longa anexação do Tibete pela República Popular da China? Então porque não há boicotes contra nenhum destes lugares?

Leia a integra em: http://americamagazine.org/issue/israel

Veja também

Seminário e lançamento de livro marcam os sete anos da Cátedra da Cultura Judaica da PUC-SP

Nesta quarta-feira, 22 de novembro, a PUC-SP celebra os sete anos da Cátedra da Cultura …

Deixe uma resposta