Presidente da Argentina vai à reunião da liderança judaica mundial

Mais de 400 líderes de comunidades judaicas, de 70 países, se reúnem até hoje, em Buenos Aires, para a sessão especial da Assembleia Plenária do Congresso Judaico Mundial (CJM). O presidente da Argentina, Mauricio Macri, discursou na abertura da Assembleia, e o presidente do Paraguai, Horacio Cartes recebe o Premio “Shalom” por “sua contribuição à paz entre os povos”. “É absolutamente transcendental que para o judaísmo da América Latina que esta Assembleia se realize em nossa cidade”.

Veja também

31 de março – Dia de Lembrança da Inquisição

Você sabe o que foi a “Santa Inquisição”? Iniciada na Espanha em 1478, tinha como …