Correspondente do Jerusalém Post ganha Prêmio da B’nai B’rith por Reportagem sobre Judeus da Ucrânia

Neste domingo, o corresponde do jornal Jerusalém Post, Sam Sokol soube que tinha conquistado o Prêmio de Jornalismo do Centro Mundial da B’nai B’rith.

Sokol que escreve para a seção Mundo Judaico ganhou o prêmio na categoria mídia impressa, por sua série atual sobre as comunidades judaicas desalojadas pela guerra civil na Ucrânia.

Pouco antes de Pessah (Páscoa) ele voltou de uma viagem a Ucrânia Oriental onde se reuniu com judeus da cidade de Mariupo, considerada um dos alvos separatistas.

“É uma grande honra e estou muito agradecido”, disse Sokol. “Espero que este prêmio ajude a despertar a conscientização para os problemas enfrentados pelos judeus ucranianos neste tempo incrivelmente difícil.”

Na categoria TV, o correspondente internacional Nadav Eyal ganhou pelo programa de uma hora de duração “Ódio”, transmitido no canal 10 em 7 de outubro de 2014, abordando o crescente antissemitismo na Europa, filmado na Alemanha, Inglaterra e Grécia.

Em vez de ser atribuído a um jornalista individual, o Lifetime Achievement Award este ano o foi entregue a estação de rádio Kol Israel pelo programa “Bureau Procurando por Parentes”, inaugurado em 1945, para ajudar sobreviventes do Holocausto a localizar parentes de desaparecidos. Em sua versão atual, o programa reuniu centenas de famílias, amigos e vizinhos em todo o globo.

“Os vencedores dos prêmios deste ano são exemplos dos melhores da reportagem israelense na diáspora e representam dedicação, profissionalismo e inteligência, e por isso foram escolhidos entre os 25 candidatos”, disse o diretor do Centro Mundial da B’naio B’rith, Alan Schneider.

“As relações entre a diáspora judaica e os jornalistas israelenses merecem incentivo e reconhecimento, através deste importante projeto e prêmios, cujo interesse crescente vem sendo demonstrado pelo número de inscritos”, acrescentou.

O Prêmio de Jornalismo do Centro Mundial da B’nai B’rith, sediado em Jerusalém, é possível graças a doações das famílias Matsdorf e Schydlowsky.

Veja também

Mais um encontro inspirador, na B’nai B’rith, com a neuroeconomista Renata Taveiros de Saboia

Ontem, segunda-feira, tivemos mais um encontro inspirador na B’nai B’rith! A neuroeconomista Renata Taveiros de …