Xeque, cardeal e rabino comentam a resolução da UNESCO

20 Out 2016 

Em razão da recente resolução da Unesco que faz referência aos locais sagrados de Jerusalém, nós religiosos resolvemos nos manifestar.

Reconhecemos o direito de cada religião determinar, com liberdade e autonomia, quais são seus locais sagrados.

Além disto, uma religião deverá respeitar os locais sagrados das demais religiões.

Finalmente, acreditamos que os organismos internacionais deveriam trabalhar para fortalecer um clima de diálogo e respeito entre as diversas tradições sem, no entanto, reclamar para si a prerrogativa de estabelecer o vínculo de qualquer religião com este ou aquele local.

Desejamos que o clima de respeito e cooperação que as diversas religiões nutrem no Brasil sirva de inspiração nos quatro cantos do mundo.

Rabino Michel Schlesinger, representante da Conib para o diálogo inter-religioso
Dom Odilo Scherer, cardeal arcebispo
Xeque Houssam Ahmad El Boustani

Veja também

Esse vídeo tem de ser compartilhado ao máximo.

Mensagem verdadeira, correta, coerente e emocionante! Israel e Judeus são defendidos com efusividade por líder …