Primeiro-ministro de Israel reclama da exclusão do Hamás

O premiê israelense, Benjamin Netanyahu, protestou contra a decisão da União Europeia de retirar o Hamas da lista de grupos terroristas. “Hamas é uma organização terrorista assassina que em sua Carta diz que seu objetivo é a destruição de Israel”. (AFP).

Veja também

Nós, da B´nai B´rith repudiamos de forma enérgica e veemente outra declaração tendenciosa, antissemita, racista e fomentadora do ódio proferida na África, pelo presidente Lula.

Nós, da B´nai B´rith – Filhos da Aliança, com 90 anos no Brasil e 180 …