O albanês é o primeiro escritor muçulmano a receber o Prêmio Jerusalém.

O escritor albanês Ismail Kadaré foi o vencedor deste ano do Prêmio Jerusalém, concedido a escritores que lidam com o tema da liberdade do indivíduo na sociedade. Kadaré foi o primeiro muçulmano a receber o prêmio, que já teve entre seus ganhadores Bertrand Russell, Mario Vargas Llosa, Milan Kundera, Simone de Beauvoir e outros. O presidente de Israel, Reuven Rivlin, disse na cerimônia de entrega do prêmio, que inaugurou a Feira do Livro de Jerusalém no dia 8 de fevereiro: “Kadaré não é apenas um escritor talentoso, mas também de grande coragem. Quando escreve sobre o seu país, sinto que li sobre as coisas que acontecem na minha realidade, na de todos nós”. Kadaré lembrou: “Os judeus, desde o primeiro até o último dia da Segunda Guerra, foram protegidos na Albânia. Outros povos dos Bálcãs nos seguiram”.

www.conib.org.br

Veja também

Feliz aniversário, São Paulo!

Skip to content