Parashiot Há´azinu e Bereshit

Parashat Hashavua por Ernesto Strauss

O MAIS HUMILDE DOS HOMENS
Rabino Pinchas Hacohen Peli z”l

Desolado, mas não vencido, é o sentimento de Moises. Inabalável e consciente. “O mais humilde na terra dos homens na face da terra.”
“Nãos são palavras sem sentido; é a própria vida”. Ele sabia separar as coisas, colocando tudo acima dos problemas pessoais, indicando a vossos filhos a observarem os mandamentos. Assim Moises se despedia. Tudo o que importava era lembrar a sua observância. Moises que conduzia o seu povo. Com isto sai de cena.

——————

Chabad
Rosh Hashaná edition

Moises vinha falar de todo coração aos ouvidos do povo. Ele e Joshua, o filho de Nun. Quando Moises acabou de falar todos estas palavras ao povo de Israel, disse a eles: “Prestam atenção a todas as palavras que pronuncio a vocês hoje. Para que vocês ordenem seus filhos a observarem todos as palavras de nossa Torá pois eles não são um só ensinamento a vocês e sim um prolongamento da vida sobre a Terra”.

D’us falou a Moises: “Suba à terra de Moab, a montanha bem frente Jerico, e veja a terra de Canaã, assim como o seu irmão Abraham, que também morreu por lá. Assim você verá a terra a qual não entrarás que Eu dei aos filhos de Israel”. E assim Moises deixou a sua existência.

——————

Alef Beta
COMO ESTAR MAIS PERTO DE D’US
Olhar para o Futuro
Rabino David Fohrman Parasha Vashinantan

Como devemos lutar com uma história de Alkeda, a história fatídica de Abraham para ver a de Jacob na terra de Israel, Assim era possível ver a venda de José a qual é o maior crime na história.

O adeus de Moises a Israel. Nesta Parashá Moises revisa os Dez Mandamentos. O episódio de Reuven e Gad que não queriam entrar na Terra Santa.
O Eterno ordenou a Moises que suba a montanha e olhe para o Oeste e o Norte. “Você não poderá entrar na Terra Santa e poderá então olhar além do Rio Jordão onde ficara a Terra Santa.”

O que Moises fez de errado ao bater na Rocha para obter agua para o seu povo.

——————

A Torah Hoje
Rabino Pinchas Hacohen Peli z/L
Momento de Esperança

Yom Kipur representa o tempo da verdade em que fazemos um momento da consciência e  analisamos nossa ações passadas em Rosh Hashaná o inicio de novo ano.

Um momento de mais benções e esperança. O primeiro que nasceu chamava- se Yizchak, que significa riso, alegria.

——————

Wiorld Union for Progressive Judaism
SELICHOT OF B’JACHAD

Os tempos antigos de nosso mundo para a maioria das Grandes Festas os Dias Sagrados serão hoje em versão virtual. O que nos prepara para estas datas sagradas das Grandes Festas pelo mundo afora e a nos. Os sons do shofarot ressoam e cântico de “Avinu Malquenu” ressoa em nossos ouvidos.


Rabino Jopnathan Sacks-Parashah Ha’azinu

Em língua majestosa, Moises entrou no cântico.
Entrou no poder de seus mandamentos. Chamando o Céu e a Terra do que tinha a dizer.
O que refletiu como o Mercador de Veneza.
Moises advertiu o seu povo de não pecarem e sim cumprirem o seus deveres diante do Eterno quando entrarem na Terra Santa além do rio Jordão.Cabieria a Jehoshua o seu sucedor a cumprir.
“O arco da moral é longo, mas o dever pela justiça manterá.”
“O forte o serão, mas o fraco também o serão”
Eu acredito em tal humildade.
O momento da força estará nascendo.

——————

Alef Beta
OLHANDO EM DIREÇÃO DO FUTURO.
Shirat Ha’azianu a canção de Moises

Perguntamos as estranhas previdências de D’us a Moises no final da Torá.
Como estava prestes a morrer, por que D’us disse que os Israelitas se arruinariam ao todo?
Eles iriam profanar a sua aliança. Esta advertência valia para um triste previsão de um futuro.
Jamais pecariam no amor ao Eterno!

Veja também

Parashiot Ki Tavô e Ki Tetzê

FICAR QUIETO E OUVIR Fonte: Rabino Jonathan Sacks Rezar não falando, mas ouvindo. Ao final, …

Skip to content