Parashá Tazria-Metsorá

Parashat Hashavua por Ernesto Strauss

 

Lei e Cultura da Obediência
Union of Hebrew Congregations 
Rabino Günther Plaut

O código de leis torna-se uma cultura das leis neste ano sabático.

Há menção às três festas assim como nos diz a Torah. Aharon, os filhos dele e os 70 mais velhos observam o caminho de Moises ao Monte Sinai, onde fica 40 dias e noites.

De lá, desce com as tábuas tendo as leis esculpidas nas pedras.

——————————————-

Chabad

Os sábios consideram Traot como tema dessa parashá da semana não como uma palavra  de Lashon Hará – falar mal de outra pessoa.

O judaísmo é uma reflexão que sustenta uma palavra a qual destrói ou cura. D’us criou o mundo pela palavra.

Lashon Tov, a palavra boa, é a síntese de: “Amarás o teu próximo como a ti mesmo”.

——————————————-

AMAR O TEU VIZINHO COMO A TI MESMO
Alef Beta

Eu tenho de me comunicar comigo mesmo. Isto é mais a mim.

Temos de amar nossos vizinhos como a nós mesmos!

——————————————-

O PODER DA ÁGUA
World Union for Progressive Judaism
Rabino Ary Friedlander – Itália

A Torah nos fala sobre isolamento e quarentena.

A Torah fala sobre Pikuach Hanefesh, que significa o dever que temos de colocar em primeiro lugar a conservação de nossas vidas.

A parashá nos fala da purificação. Fala da água para limpeza, para cura. Espero que assim seja.

Veja também

Parashá Shemini

 Ao Sinai Union of Hebrew Congregations Rabino Günther Plaut Os filhos de Israel chegaram ao …

Skip to content