Iom Hazikaron

Hoje, 3 de Iyar de 5780, 27 de abril de 2020, à noite, iniciamos Iom Hazikaron, dia no qual lembramos, com muita tristeza, das vítimas civis e militares das cinco guerras defensivas e inúmeros atos covardes de terrorismo contra Israel e o povo judeu.

Vale ressaltar que Israel não tem homenagem ao “Soldado Desconhecido”, pois cada um que perdeu a sua vida pelo Estado de Israel é conhecido, tem nome, sobrenome, histórico e relações familiares que nos são muito caras.

No total, desde a sua independência em 1948, foram 23.816 soldados, 4.166 civis e 120 estrangeiros mortos em Israel. Somados a eles, temos 100 israelenses mortos no exterior e 16 diplomatas também assassinados fora do solo israelense. Hoje recordamos todos eles!

Portanto, não existe, em Israel e em todo o povo judeu, alguém que não tenha sofrido com momentos de tristeza, perdendo pessoas queridas ou conhecidas.

Que as perdas de vida, sofridas por todos, sejam um forte incentivo para que alcancemos uma PAZ sustentável, duradoura e sincera entre todos e em todas as regiões.

Que sejam suas memórias abençoadas!

Abraham Goldstein
Presidente da B´nai B´rith do Brasil

Iom Hazikaron

 

Veja também

A Loja Barão Hirsch, de POA, convida para um bate papo com Rafael Ban Jacobsen

A Loja Barão Hirsch, de POA, convida para um bate papo com Rafael Ban Jacobsen, …

Skip to content