Em Israel, Trump diz que Irã jamais deve ser autorizado a ter arma nuclear

Em seu primeiro compromisso público em Israel, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, acusou nesta segunda-feira (22) o Irã de apoiar “terroristas” e insistiu que Teerã nunca deve ter autorização para possuir armas nucleares. “Estados Unidos e Israel podem afirmar com uma única voz que o Irã nunca deve ser autorizado a possuir uma arma nuclear – nunca, jamais – e que deve cessar o financiamento, o treinamento e o armamento de terroristas e milícias”, declarou Trump em breve discurso na presença do presidente israelense Reuven Rivlin. Em visita ao Oriente Médio em sua primeira viagem ao exterior desde a posse, Trump disse que há uma “tomada de consciência crescente” entre os países árabes da região que compartilham uma “causa comum” com Israel sobre “a ameaça que o Irã representa”. “Temos que garantir (…) que não vamos acordar em meio a um pesadelo, com o Irã, o grupo Estado Islâmico e o Hamas em nossas fronteiras”, declarou o presidente israelense, Reuven Rivlin, no encontro com Trump. “Para podermos sonhar, devemos assegurar que o Irã esteja fora de nossas fronteiras, fora da Síria e do Líbano”, completou.
Folha de São Paulo

Veja também

Uma manhã emocionante com apresentação do espetáculo Mergulho

Ocorreu na quinta-feira, 10 de outubro, no CEU São Rafael em São Mateus, São Paulo, …