B’nai B’rith leva ajuda aos órfãos israelenses, de pais vítimas do terrorismo

O diretor do Centro Mundial de B’nai B’rith, Alan Schneider, apresentou ontem as doações efetuadas para prover assistência financeira aos órfãos israelenses que ficaram sem o pai devido a ataques terroristas nos últimos meses.

A doação do Fundo de Edith Pat Wolfson foi realizada na aldeia drusa do norte de Mrar (Maghar) para Irin Satawi e Ramos, um bebê de três meses, cujo pai, um policial druso, o Sargento. Maj. Hayil Satawi (30) foi assassinado 14 de julho por três árabes israelenses no Monte do Templo junto com o seu primeiro sargento e parceiro Kamil Shanan (22), apenas duas semanas depois do nascimento de seu primeiro filho.

A doação da Primeira Loja da B’nai B’rith Inglaterra foi para os cinco órfãos de Elad Salomon: Avinoam (11), Reut (9), Amitai (5) e os gemeos de um ano Ariel e Avishai. Elad foi assassinado no dia 21 de julho, em sua casa, em Neve Tzuf, Cisjordania. A mãe, Michal, conseguiu salvar cinco filhos, quando sua casa foi atacada durante um jantar de sexta-feira à noite, que deixou três mortos.
Durante suas

 

reuniões com as famílias, Schneider expressou a solidariedade da família B’nai B’rith por sua perda e apreciação pelo serviço ao Estado de Israel.

(abaixo, foto de Michal e Elad)

Veja também

Mais um evento confirmado. Participe!

Vem aí mais um encontro virtual. Desta vez o tema será Holocausto em Memória. A …

Skip to content