Bahia chama oito empresas israelenses para obter maior eficiência no uso da água

A Embasa – Empresa Baiana de Águas e Saneamento – promoveu no dia 25 de agosto em Salvador um encontro com oito empresas israelenses de tecnologia de abastecimento de água e tratamento de esgotamento sanitário. Os baianos buscam o conhecimento de processos diferenciados na captação e tratamento de água, o reúso de efluentes tratados, dessalinização, redução do consumo. Foram apresentadas as tecnologias das empresas Arad, Amiad, Curapipe, Mapal, Miya, Odis e Takadu. Participaram do encontro o presidente da Embasa, Rogério Cedraz; o cônsul para Assuntos Econômicos de Israel em São Paulo, Boaz Albaranes, e a assessora para o Nordeste Sheila Sztutman, além de representantes da Companhia de Saneamento de Alagoas, do Instituto de Inovação para o Desenvolvimento Rural Sustentável de Alagoas “Israel tem uma condição, de certo modo, semelhante à nossa em relação à escassez hídrica e valoriza muito a água. Por isso, é tão importante compartilhar esse conhecimento, para tornar nossos processos cada vez mais eficientes”, disse o presidente da Embasa.
Boletim CONIB

Veja também

Covardia e palavras ao vento

No dia de Yom Kippur, na cidade de Halle, Alemanha, um cidadão alemão, de nome …