A B’nai Brith da Bulgária lança um concurso de ensaios sobre o Significado do Holocausto

A B’nai Brith da Bulgária, em cooperação com o Centro Mundial da B’nai B’rith em Jerusalém, lançou um concurso, composto por um ensaio em multimídia para estudantes do Ensino Médio intitulado: “O significado do Holocausto no mundo pós-Holocausto”.

Os alunos de quatro escolas da capital Sofia participarão do concurso. Essas escolas são: Dimcho Debeliov, uma escola judaica que é também a primeira em língua inglesa; Miguel Cervantes uma escola de fala espanhola, Antoine St.Exupéry, uma escola de língua francesa em Plovdiv; e o Ginásio Nacional de Artes Dramáticas, liceu italiano.

As regras da competição instruem os alunos a relacionar, entre outros, o estabelecimento do Estado de Israel como um dos fatos marcantes do mundo pós Holocausto.

O Presidente da B´nai B´rith Bulgária, Solomon Bali desencadeou o projeto em vista do aumento das tendências nacionalistas e de negação do Holocausto na Bulgária.

Os alunos entregaram seus ensaios até o dia 2 de Março e a comissão julgadora que inclui o renomado escritor, sobrevivente do Holocausto e membro da Loja Sofia Victor Baruch, professora Fannie Krispin, professor de inglês Simona Bali e a jornalista Zelma Almaleh, anunciarão os vencedores em 15 e Abril.

Uma grande cerimônia de premiação está planejada para o dia 25 de Abril no salão Lumière, de 360 lugares, no Palácio Nacional de Cultura, de Sofia.

A B’nai B’rith Internacional patrocina o projeto, que obteve a adesão da B’nai B’rith Zurich e AJC.

Reconhecendo a importância do projeto, nestes tempos em que a Europa está sobrecarregada de ódio contra os judeus e o Estado de Israel, o Ministro de Educação, o prefeito de Sofia, as embaixadas de Israel e Alemanha apoiaram essa iniciativa desde seu início.

O Diretor do Centro Mundial da B’nai B’rith, Alan Schneider, disse que o projeto permitirá aos estudantes refletir o papel crucial que o Estado de Israel tem ,como um paraíso para milhares de sobreviventes do Holocausto e, até hoje, para os judeus que fogem de subsequentes perseguições e discriminação.

Do Boletim B’nai Brith ICHRRP

Traduzido e adaptado por Jayme Gudel

Veja também

B’nai B’rith São Paulo participou da campanha Run4Lives São Paulo pedindo a libertação imediata dos reféns em poder do Hamas

Neste domingo pela manhã, a B’nai B’rith São Paulo participou da campanha Run4Lives São Paulo …