Tribunal Europeu inverte o estatuto do Hamas como organização terrorista

O Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE), o segundo mais alto da União Europeia, excluiu o Hamas da lista de organizações terroristas. “É uma decisão jurídica de um tribunal, não uma decisão política tomada pelos governos da UE,” disse o comunicado da União Europeia. A decisão coincide com o aumento da impaciência em relação à estagnação do processo de paz no Oriente Médio. Mas ainda foi mantido provisoriamente o congelamento de bens do grupo na UE. A organização havia sido incluída na lista em dezembro de 2001.

ww.nytimes.com

Veja também

Instituto Weizmann de Ciências oferece bolsas de estudos para alunos brasileiros estudarem em Israel

Até 25 de fevereiro os futuros cientistas devem se inscrever. É preciso ter terminado o …