Sócios rejeitam dissolução e venda da Hebraica de Niterói

No último domingo, dia 31 de agosto, os sócios-proprietários da Hebraica de Niterói reuniram-se em assembleia para votar a proposta de dissolução da instituição, com consequente venda de sua sede no bairro de Icaraí. Por 35 votos contra e 5 a favor, a proposta foi rejeitada.

A FIERJ comemora esta decisão, que vai ao encontro do desejo dos sócios fundadores da Hebraica de Niterói e de toda a comunidade judaica fluminense. E agradece a todos que se mobilizaram para que o bom senso prevalecesse, inclusive à mídia judaica, que deu amplo destaque ao debate.

 

Veja também

Comunidade judaica paulista promove evento pelo Dia Internacional em Memória às Vítimas do Holocausto

Por ocasião do Dia Internacional em Memória às Vítimas do Holocausto, a Confederação Israelita do …

Deixe uma resposta