Povoado espanhol de ‘Matajudeus’ quer mudar seu nome

Castrillo Matajudíos é um pequeno vilarejo na comunidade autônomo espanhola de Castela e Leão, famoso mundialmente por seu nome politicamente incorreto – “matajudíos” em espanhol significa “mata judeus”. No final de maio, os 56 habitantes oficialmente registrados do vilarejo poderão decidir em uma votação se mantém o polêmico nome, ou se o trocam por Castrillo Mota de Judíos ou Castrillo Motajudíos, que significa “colina de judeus”. A primeira referência encontrada em registros ao termo “Matajudíos” é de 1627. (BBC)

Veja também

Seminário e lançamento de livro marcam os sete anos da Cátedra da Cultura Judaica da PUC-SP

Nesta quarta-feira, 22 de novembro, a PUC-SP celebra os sete anos da Cátedra da Cultura …

Deixe uma resposta