O caso do desvio de recursos da ONG World Vision para o Hamas na Faixa de Gaza

WorlVision2Israel está trabalhando para informar em detalhes aos diversos países a gravidade do desvio da ajuda humanitária da ONG World Vision na Faixa de Gaza (60% dos recursos foram desviados para a organização terrorista Hamas pelo diretor da sucursal da ONG no território).

Informações sobre o caso já foram enviadas a diversos países que colaboram com a World Vision. Um deles, a Austrália, já suspendeu a ajuda humanitária.

 

 

Worl-Vision1O diretor da Divisão de Diásporas e Religiões do Ministério das Relações Exteriores, Akiva Tor, se encontrou, em Jerusalém, com Kent Hill, vice-presidente da ONG World Vision e o atualizou dobre os detalhes da investigação. Ele exigiu que a organização realize uma inspeção profunda e reformule seus mecanismos de monitoramento financeiro.

O ministério das Relações Exteriores de Israel apela à organização e às demais ONGs que lidam com assistência à Faixa de Gaza que verifiquem a si próprias e a seus parceiros locais. O Estado de Israel continua a estar comprometido com assistência e reabilitação em Gaza, mantendo rigorosamente, ao mesmo tempo, seus interesses de segurança.

Veja também

Deputado Darcísio Perondi pede desculpas à comunidade judaica por comentário sobre o relatório de Zveiter

Após a repercussão de seu comentário sobre o relatório do deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ) na …