Ministro israelense compara líder palestino a nazista histórico

O ministro das Relações Exteriores de Israel, Avigdor Lieberman, comparou neste domingo o líder palestino, Mahmoud Abbas, com o ministro da Propaganda de Adolf Hitler, Joseph Goebbels.

“A pessoa que disse estar a favor da paz e estar disposto a fazer concessões falou há menos de dois meses na Assembleia Geral da ONU e pronunciou palavras de ódio que só podem ser lidas nas notas de Goebbels”, afirmou Lieberman em um ato público.

Conhecido por suas provocadoras e polêmicas declarações, o ministro israelense acrescentou que Abbas “nos acusou de limpeza étnica e se referiu aos terroristas libertados na troca pelo soldado Shalit (em 2011) como heróis”.

Lieberman, que concorrerá nas próximas eleições de janeiro como vice do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, respondia assim às reconciliadoras palavras que Abbas expressou em uma recente entrevista a um canal israelense.

O líder palestino disse na ocasião que não permitirá a explosão de uma “terceira Intifada armada” enquanto estiver no poder e apostará no diálogo e nas formas de “resistência pacífica”.

Para o chefe da diplomacia israelense “o que [Abbas] disse em inglês a uma televisão israelense não tem nenhuma importância”, dando a entender que o importa é o que diz a seu povo e em fóruns internacionais.

 

Fonte: EFE

Veja também

Seminário e lançamento de livro marcam os sete anos da Cátedra da Cultura Judaica da PUC-SP

Nesta quarta-feira, 22 de novembro, a PUC-SP celebra os sete anos da Cátedra da Cultura …

Deixe uma resposta