Fischer: A paz é vital para a saúde econômica de Israel

O presidente do Banco de Israel Stanley Fischer, disse ontem que a paz é importante para a saúde econômica do país.

“Em longo prazo, esta economia terá que fazer a paz com seus vizinhos, quando todos estiverem prontos para isso, o que espero seja o mais cedo possível”, disse Stanley Fischer numa Conferência em Hertzliya.

“Eu não acho que o orçamento de defesa possa continuar a crescer na taxa que tem alcançado nos últimos anos. Nós vamos ter que encontrar uma maneira diferente de lidar com esse problema.”

A paz era um item de uma longa lista de questões de longo prazo, que seria necessário a Israel enfrentar. O problema da pobreza, concentrada em setores haredim e árabes, é insustentável, assim como o crescimento da população que não trabalha e que duplicará em 17 anos.

Segundo Fischer, “a economia israelense está forte”: a situação de curto prazo da economia israelense é muito boa, com o desemprego em queda há 30 anos, uma inflação abaixo de 2% ao ano, os bancos em boa forma e uma queda marginal na pobreza. “A economia tem muito com que se orgulhar”.

A grande questão, de acordo com Fischer, é o desafio político do orçamento, que será maior do que o de 2012, mesmo após os cortes necessários, e que não pode apenas ser populista ou satisfatório em curto prazo, em detrimento de demandas de longo prazo.

Veja também

Nova York tem tentativa de ataque terrorista nesta manhã

O maior terminal rodoviário do mundo foi palco da tentativa de um ataque terrorista, conforme …

Deixe uma resposta