Atos antissemitas no mundo aumentam 30% em 2012

Os atos antissemitas no mundo aumentaram 30% no ano passado com relação a 2011, segundo relatório anual da Universidade de Tel Aviv em colaboração com o Congresso Europeu Judeu. Após dois anos de queda, os incidentes de vandalismo e ameaças à vida dos judeus aumentaram no ano passado até os 696 (526 em 2011), com um grande salto na França (60%), de acordo com o documento. A França registrou 200 atos antissemitas, seguida dos Estados Unidos (99), Reino Unido (84) e Canadá (74). Cerca de 40% dos incidentes consistiu em ataques contra judeus, enquanto o resto teve como alvo sinagogas, cemitérios, centros ou escolas judias e propriedades desta comunidade.

Veja também

Pesquisas do Arqshoah  serão divulgadas na Universität de Zürich (Suíça)

Neste dia 9 de outubro, a historiadora  Maria Luiza Tucci Carneiro faz uma vídeoconferência para …

Deixe uma resposta